Fisioterapia dermatofuncional: o que faz um profissional dessa área?

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

fisioterapia dermatofuncional

Você já é um profissional formado na área de saúde, como fisioterapia, por exemplo, e tem vontade de trabalhar no segmento de estética?

Uma área que está em expansão e tem bastante aceitação no mercado é a Fisioterapia Dermatofuncional. Você sabe quais as funções desenvolvidas por esse profissional? A seguir você confere todas as informações sobre essa área.

O que é fisioterapia dermatofuncional?

A fisioterapia dermatofuncional é uma especialidade da fisioterapia que atua na prevenção, recuperação e promoção da saúde da pele. Desde 2009, o Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO) publicou a Resolução 362/2009 reconhecendo a fisioterapia dermatofuncional como uma especialidade da área de fisioterapia, podendo ser exercida exclusivamente pelos profissionais da área.

O que o profissional dessa área faz?

O profissional formado em fisioterapia e que deseja atuar no segmento de estética, deve se especializar por meio de uma pós-graduação, por exemplo.

Desse modo, ao se especializar em fisioterapia dermatofuncional, o profissional estará apto para auxiliar em tratamentos, como nos seguintes casos:

  • Flacidez da pele;
  • Gordura localizada;
  • Estrias;
  • Cicatrizes.

Além disso, os profissionais que atuam com fisioterapia dermatofuncional podem utilizar recursos e práticas que funcionem de forma integrada para promover a qualidade funcional do paciente, associando tratamentos ou agentes de aplicação, podendo ser térmicos, elétricos, mecânicos ou fototerapêuticos.

Também é bastante comum que o profissional atue de forma conjunta com demais profissionais da área da saúde, associando os tratamentos da fisioterapia dermatofuncional com demais técnicas em prol de um tratamento eficaz e seguro para o paciente. Sendo assim, é comum que esses profissionais associem tratamentos com nutricionistas, profissionais de educação física, endocrinologistas, dermatologistas, angiologistas e cirurgiões plásticos.

fisioterapia dermatofuncional

Demais capacitações do profissional  

Além das funções descritas acima, o profissional que se especializa em fisioterapia dermatofuncional pode também contribuir com os seguintes tratamentos:

  • Pré e pós-cirurgia plástica;
  • Fibro edema gelóide;
  • Estrias cutâneas;
  • Queimaduras;
  • Envelhecimento facial da pele;
  • Úlceras de pressão.

Um tratamento bastante procurado pelos pacientes é a redução de gordura localizada. Nesse tipo de tratamento, o profissional de fisioterapia dermatofuncional está habilitado para indicar tratamento por meio de:

  • Ultrassom;
  • Eletroterapia não-invasiva;
  • Endermologia;
  • Radiofrequência;
  • Laserterapia;
  • Crioterapia.

Outra técnica bastante utilizada são os recursos terapêuticos manuais, como a massagem, por exemplo. A massagem tem a função de exercer um efeito mecânico local, por meio da pressão exercida, que, consequentemente, libera substâncias vasoativas na região aplicada.

Dentre as técnicas de massoterapia que o profissional pode aplicar no paciente, estão:

  • Drenagem linfática manual;
  • Massagem clássica;
  • Massagem do tecido conjuntivo;
  • Massagem reflexa.

Ao indicar um tratamento por meio de massagem, o profissional que atua com fisioterapia dermatofuncional busca reduzir os edemas na pele, melhorar a hidratação e nutrição celular, agilizar o processo de cicatrização, promover a vascularização arterial e venosa, favorecer a absorção e desaparecimento de hematomas, reduzir a retenção de líquido nos tecidos, além de promover um relaxamento do paciente.

Você pode conferir o amplo mercado e atividades que o profissional especializado em fisioterapia dermatofuncional pode exercer, ganhando mais chances e possibilidades no mercado de trabalho. Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário ou fale conosco.

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×