Rejuvenescimento com Laser Ablativo

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Com a chegada das estações mais amenas, onde a incidência solar é menor, iniciam-se as buscas em clínicas de estética por tratamentos de rejuvenescimento como Peelings e Lasers, porém são técnicas que deixam a pele extremamente sensibilizada necessitando de cuidados especiais, inclusive cuidados de proteção da radiação UV, além dos cuidados Home care que todo pós-procedimento estético exige.

O Laser de CO2 fracionado é uma das técnicas GOLD STANDARD de rejuvenescimento da atualidade. É uma tecnologia que veio para revolucionar os tratamentos estéticos.
Conhecido como Resurfacing ou Lifting Facial sem cirurgia, a Laserterapia atenua o grau de envelhecimento da pele, além de ser um excelente tratamento estético para outras indicações dentre elas tratamento de estrias, cicatrizes de acne,  tratamento de região periorbital, entre outros.

Em 2010, um estudo realizado por SILVA et al, comparando Laser de CO2 fracionado em região periorbital e Blefaropeeling, mostrou nos resultados obtidos no estudo, eficiência na atenuação de rugas da região tratada em ambas as técnicas, porém com diferença no tempo de recuperação da pele agredida, a técnica que obteve rápida recuperação foi o Laser de CO2 fracionado, resultado esse obtido pela tecnologia de fototermólise seletiva e fracionamento do laser.

Com várias indicações e excelentes resultados, o Laser estimula uma renovação celular severa pela ablação por vaporização da epiderme e um remodelamento dérmico imediato pelo efeito térmico que se estende pela derme do tecido tratado com resultados que perduram a médio e longo prazo graças à neocolagênese estimulada, constatado em estudo realizado por Campos & Gontijo em 2010. Toda essa fisiologia, desencadeada pela técnica, tem como sinônimo para o cliente de uma pele mais firme e com aspecto mais jovial.

O profissional deve ter conhecimento técnico-científico para realizar o procedimento, estar capacitado e ser devidamente habilitado para tal, pois assim minimizam-se, e muito, os riscos de complicações no pós-procedimento, ao qual a técnica não está isenta.

Fundamentação científica é tudo, pois mostra até onde você pode chegar com segurança e ainda assim obter excelentes resultados!

 

Resultado após 3 sessões de Laser Co2 Fracionado, com regressão da classificação de Glogau e melhora na qualidade da pele.

 

 

 

Referências

Silva, FAM, et al. Estudo comparativo entre blefaropeeling e laser fracionado de CO2 no tratamento do rejuvenescimento periorbital. Surg Cosmet Dermatol, 2010;2(2):93-97

Campos V, Gontijo G. Laser fracionado de CO2: uma experiência pessoal. Surg Cosmet Dermatol, 2010;2(4):326-32

 

 


Profª Especialista Dra Mônica Garcia
Biomédica Esteta, Docente do IBECO nas Disciplinas de Procedimentos Injetáveis e Responsável pela Disciplina de Laser de CO2 Fracionado

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários no Facebook

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×