Biomédico: 3 fatos que você precisa saber antes de mudar de área de atuação

Biomédico

Mudar de área na profissão é uma decisão que exige cautela. Afinal, a intenção é ter um futuro, com novas oportunidades de emprego, cargos e salários.

Portanto, o biomédico deve aprofundar o conhecimento sobre a área e conversar com quem já atua no setor para ter a certeza de que está fazendo uma boa escolha. Outros fatores também são importantes antes da transição, e abordaremos três deles a seguir. Confira:

1. Será que você realmente conhece o mercado de trabalho?

Uma das dicas mais importantes para o biomédico que decidiu mudar a área de atuação é pesquisar o mercado de trabalho. Ele precisa saber se o setor tem potencial e o que ele exige do profissional. Por isso, vale conversar com algum biomédico que já trabalha na área, pois ele terá uma visão mais aprofundada da carreira.

Na biomedicina, algumas das áreas que estão em alta são as de Hemoterapia e Terapia Celular, Colpocitologia Oncótica, Auditoria Biomédica e Análises Clínicas e Toxicológicas.  

2. Tem ideia das competências exigidas para o biomédico neste setor?

Não basta apenas conhecer o mercado de trabalho. O biomédico em busca de uma nova área de atuação deve ter pleno conhecimento do que um profissional do setor executa no dia a dia. Assim ele terá ciência das competências exigidas.

Apesar de se tratar de uma mesma profissão, as áreas de atuação exigem habilidades e conhecimentos específicos do biomédico. Por isso, ele precisa ter noção aprofundada da carreira para determinar o que será necessário desenvolver antes de fazer a transição.

Se for apostar em um negócio próprio em determinada área, talvez seja necessário buscar cursos que ofereçam noções de gestão, controle de qualidade, conhecimento de legislações, além de conteúdos específicos de biomedicina.

Aproveite para conhecer os cursos de especialização para Biomédicos:

Pós-graduação em Auditoria para Biomédicos
Pós-graduação em Hemoterapia e Terapia Celular
Pós-graduação em Colpocitologia Oncótica
Pós-graduação em Análises Clínicas e Toxicológicas

3. Sabia que um curso de pós-graduação pode ser essencial?

Mudanças exigem investimentos e é por isso que o biomédico interessado em apostar em uma nova atividade profissional precisa estar preparado. Um curso de pós-graduação, por exemplo, pode ser imprescindível para a transição na carreira. Isso porque o conhecimento aprofundado em determinado setor é um diferencial importante no mercado.

Profissionais que contam com curso de pós-graduação, em geral, têm melhores oportunidades de vagas e salários, já que possuem um conhecimento mais aprofundado do setor.

Vale lembrar que, para tanto, é necessário ingressar em uma instituição que preza pelo ensino de qualidade, garantindo a formação exigida pelo mercado.

Mudar de área na profissão pode ser bastante interessante, mas é necessário ter conhecimento de alguns fatores, como mostramos no nosso artigo. Portanto, o biomédico deve pesquisar o mercado, conhecer as competências profissionais exigidas no setor e ter a ciência de que um curso de especialização pode ser um diferencial e tanto. É importante destacar que a pós-graduação deve ser feita em uma instituição com ensino que preza pela qualidade.

Se você quer mais informações sobre pós-graduação, mercado de trabalho, entre outros assuntos relacionados com a biomedicina, não deixe de conferir os outros textos do nosso blog.