Como está o mercado para farmacêuticos no Brasil?

farmacêuticos

Na contramão de outros setores da economia, o mercado farmacêutico brasileiro tem apresentado ótimos números. Em 2016, de acordo com a Associação Brasileira das Redes de Farmácias e Drogarias (ABRAFARMA), o crescimento da indústria farmacêutica foi de 12,55% e as perspectivas para os próximos anos também é positiva.

O bom momento para os farmacêuticos têm diversas razões como maior investimento em biotecnologia, fusões de grupos importantes da indústria e expansão na produção dos genéricos. Isso sem contar o aumento no consumo de itens de beleza e do setor fitness, também comercializados nas farmácias. Neste artigo vamos detalhar mais sobre o assunto.

Saúde e bem-estar sempre no topo das prioridades

O mercado farmacêutico é um dos últimos a entrar em crise e um dos primeiros a sair dela. Isso porque saúde e bem-estar físico estão no topo das prioridades da população. Sendo assim, é sempre um setor muito promissor para quem está escolhendo uma carreira a seguir.

A contratação de farmacêuticos tem aumentado consideravelmente na indústria nos últimos três anos. Muito se deve a produção dos medicamentos genéricos que barateiam o custo para o consumidor final.

Se a saúde é prioridade e os medicamentos podem ser desenvolvidos com custos mais acessíveis ao consumidor, não é à toa que o mercado para farmacêuticos está promissor.

Aproveite para conhecer os cursos de especialização para farmacêuticos:

Pós-graduação em Farmacologia Clínica

Pós-graduação em Fitoterapia Clínica

Pós-graduação em Manipulação Magistral Alopática

Pós-graduação em Manipulação Magistral de Dermocosméticos

Pós-graduação em Pesquisa e Desenvolvimento de Produtos Cosméticos

Muitas possibilidades de atuação no mercado para farmacêuticos

Além do investimento nos medicamentos genéricos, o setor também apresenta muitas possibilidades de atuação para os farmacêuticos.  Há várias categorias novas como a fitness, responsável por suplementos.

De acordo com a Euromonitor, o mercado fitness brasileiro deve movimentar por volta de R$ 27 bilhões até 2020 e a indústria farmacêutica tem muito a lucrar. Para tanto, a contratação de farmacêuticos é imprescindível.

Além dos suplementos alimentares e outros relacionados à nutrição, os cosméticos também estão em alta. Portanto, atuar na indústria responsável por esta categoria é mais uma ótima alternativa para os farmacêuticos.

Demanda reflete na oferta de ensino                          

Com o mercado aquecido, as instituições de ensino têm oferecido cada vez mais especializações na área para que os farmacêuticos possam ter uma carreira de sucesso. Por isso, além da graduação, é importante buscar por cursos de pós-graduação.

A atualização constante é considerada hoje um dos principais requisitos para a contração. Mas, é importante destacar que o curso deve ser feito em uma instituição de ensino de referência, com reconhecimento do Ministério da Educação, professores gabaritados e conteúdo de ensino de acordo com a realidade do mercado.

O momento é bastante positivo para os farmacêuticos como mostramos em nosso artigo. Ao contrário de outros setores, a indústria farmacêutica tem apresentado alta, por conta de investimentos em biotecnologia, produção de medicamentos genéricos, entre outros. Além do mais, quem se forma nessa área tem uma gama muito grande de possibilidades de atuação. Lembre-se sempre que para o sucesso profissional, a formação precisa ser de qualidade! Sendo assim, pesquisar muito bem a instituição de ensino fará diferença!

Conte para nós o que você achou deste artigo e se tiver outras sugestões deixe aqui o seu recado. Continue também acompanhando as novidades do nosso blog.