Quanto ganha, em média, um profissional de biomedicina estética?

biomedicina estética

Você já é um profissional formado na área de saúde e está pensando em se especializar no segmento de estética? Essa pode ser uma excelente opção para ampliar seu campo de atuação, suas oportunidades de trabalho e, claro, seus rendimentos financeiros.

Se você já é um biomédico formado, atuar no segmento de estética é bastante simples, demandando apenas que você se especialize na área de atuação, realizando uma pós-graduação, por exemplo.

Mas será que vale a pena investir mais tempo estudando para se tornar um profissional de biomedicina estética? Descubra quanto ganha, em média, um profissional que atua nesse segmento.

O que é biomedicina estética?

A biomedicina estética é um campo de atuação extremamente promissor para os profissionais formados em biomedicina. É o segmento que cuida do bem-estar, saúde e tratamentos relacionados à beleza dos pacientes, como procedimentos antienvelhecimento, por exemplo.

O biomédico especialista em biomedicina estética se atualiza sobre as melhores práticas adotadas pelo segmento estético e se capacita para ofertar os melhores tratamentos para os pacientes.

Quais os procedimentos realizados pela biomedicina estética?

Na biomedicina estética, o profissional qualificado torna-se capacitado para desenvolver com precisão e qualidade os seguintes procedimentos:

  • Procedimentos injetáveis, perfurocortantes, e escarificantes não invasivos;
  • Carboxiterapia;
  • Microagulhamento;
  • Aplicação de toxina;
  • Laserterapia;
  • Rejuvenescimento facial;
  • Remoção de tatuagem com aparelhos a laser;
  • Técnicas a partir da aplicação de enzimas para reduzir celulite e modelar partes do corpo;
  • Eletroterapia;
  • Exames laboratoriais;
  • Análises clínicas metabólicas;
  • Prescrição de receitas de substâncias e medicamentos de fins estéticos.

biomedicina estética

Além disso, na biomedicina estética, o profissional também poderá:

  • Assumir a responsabilidade técnica de estabelecimentos que executam atividades de fins estéticos;
  • Desenvolver pesquisas, estudos e trabalhos de biomedicina relacionados à estética e tecnologias e procedimentos;
  • Lecionar em cursos profissionalizantes de graduação, pós-graduação e especializações relacionados à biomedicina estética.

Qual a remuneração do profissional que trabalha com biomedicina estética?

A remuneração do profissional que atua no segmento de biomedicina estética varia de acordo com o seu conhecimento e especializações dos procedimentos estéticos desenvolvidos e adotados pelo mercado.

Além disso, é preciso considerar a disponibilidade de atuação e locais de trabalho do profissional. Alguns profissionais têm disponibilidade de atuar em diferentes locais, o que pode incrementar ainda mais seus rendimentos financeiros. Outra situação possível é o profissional ser proprietário da sua própria clínica de biomedicina estética, o que pode variar ainda mais a sua remuneração.

Estima-se que um profissional que atua na área de biomedicina estética pode ter uma remuneração variando de R$ 3.500 a R$ 9.000, dependendo de fatores como os citados anteriormente.

Fato é que a biomedicina estética é um segmento extremamente promissor, com muitas ofertas de atuação na área. O mercado de estética movimenta bilhões no Brasil, deixando nosso país entre os quatro países mais consumidores de produtos e procedimentos cosméticos. Só por esses números, é possível ter uma noção do quão promissor esse segmento é, cheio de oportunidades.

O que vai diferenciá-lo no mercado e proporcionar grandes oportunidades é o seu conhecimento e atualização, acompanhamento das demandas dos pacientes e novidades oferecidas pelo mercado.

Achou interessante o segmento da biomedicina estética? Compartilhe conosco sua opinião.

Ficou interessado em se especializar nessa área? Entre em contato conosco. Estamos prontos para auxiliar no seu desenvolvimento profissional.